Emergência e Centro Obstétrico do Hospital Municipal com atendimento restrito

Emergência e Centro Obstétrico do Hospital Municipal com atendimento restrito

Linha de apoio
Orientação é para que pacientes busquem atendimento nas UPAs Centro e Canudos, e gestantes, dentro de suas possibilidades, em cidades vizinhas
Publicado em 11/07/2018 - Editado em 12/07/2018
Crédito
Arte/PMNH

A Fundação Saúde Pública de Novo Hamburgo informa que a Emergência do Hospital Municipal e o Centro Obstétrico estão funcionando com atendimento acima da capacidade instalada. Mesmo sendo porta aberta SUS, pede-se a compreensão da população para que busque os serviços das UPAs Centro e Canudos, deixando a Emergência liberada para o atendimento de pacientes de extrema urgência. Já os usuários em situações de gravidade menor devem procurar as Unidades Básicas de Saúde e Unidades de Saúde da Família.

No caso do Centro Obstétrico também serão acolhidas as situações de emergência. A orientação, neste momento e dentro do possível, é para que as gestantes procurem o serviço em cidades vizinhas. A Central de Leitos do Estado já foi avisada sobre a superlotação e será acionada, caso necessário, para o provimento de leitos em outras cidades (transferência).

QUANDO BUSCAR OS SERVIÇOS DAS UPAS CENTRO E CANUDOS:

- Parada Cardiorrespiratória, dor torácica intensa

- Coma, derrame, hemorragia

- Falta de ar intensa, crise asmática

- Convulsão, intoxicação, sangramento

- Fraturas, choque elétrico, luxação, entorse

- Dor intensa ou de início imediato

- Alteração súbita de comportamento, agitação ou desmaios

- Diabético com alterações

- Acidentes por animais peçonhentos